terça-feira, 26 de novembro de 2019

Onde mora o Natal?

A biblioteca da escola sede vestiu-se, para este período de advento, de "casa do Natal". 
Desafios, mercados, encontros de autor, mostras literárias... vão levar-te à descoberta do(s) lugare(s) do Natal.
O Passatempo "Onde mora o Natal?" já se encontra a decorrer e promete trazer muita animação a esta casa!!

Composto por 24 desafios,
 este passatempo vai levar-te à descoberta do Natal nos livros
Regulamento

1. O Passatempo decorre de 25 de novembro a 17 de dezembro na Biblioteca Escolar da EB António Feijó;
2. O Passatempo destina-se aos alunos do 2º e do 3º ciclo;
3. Cada aluno só pode realizar uma prova;
4. Os desafios devem ser respondidos em folha própria (disponível na biblioteca);
5. A partir de 12 respostas certas, são atribuídos prémios, por categoria:
         5.1. Entre 12 e 15 respostas certas – 4ª categoria
         5.2. Entre 16 e 20 respostas certas – 3ª categoria
         5.1. Entre 21 e 23 respostas certas – 2ª categoria
5.1. 24 respostas certas – 1ª categoria
6. Os resultados serão divulgados na segunda-feira, dia 6 de janeiro (dia de Reis), na Biblioteca e no blogue da Biblioteca;
7. Os prémios serão entregues no mesmo dia, segunda-feira, 6 de janeiro, no âmbito das comemorações do dia de Reis, na Biblioteca Escolar.


Fica atento, o Natal começa na tua Biblioteca Escolar!


Natal na BE 2019


Até já!

domingo, 17 de novembro de 2019

Concurso Nacional de Leitura - 1º CEB

Nas bibliotecas do 1º CEB já estamos a preparar o Natal!

À volta da obra de António Mota, Sonhos de Natal, uma das narrativas mais emblemáticas da Literatura de Natal para a infância (e que os adultos também gostam de ler), estamos a desenvolver um conjunto de atividades de leitura orientada. 
Capa da edição de 2017 (última edição)

Estas atividades visam, por um lado, a preparação para o Concurso Nacional de Leitura, cuja prova de nível escola se realizará no dia 28 de novembro, e por outro, o desenvolvimento de competências no âmbito da educação literária, através de atividades diversificadas, que encontram eco no tema aglutinador de projetos do presente ano (Casas do Mundo) e na recém criada DAC para o 1º ciclo (Estrutura Familiar).

Capa das edições anteriores a 2017
(edições disponíveis nas nossas BEs)

A associação do livro literário a momentos festivos, e, por conseguinte, a memórias e experiências positivas é, por sua vez, um meio de tornar a literatura presente e de fomentar o gosto e o amor aos livros e à leitura.

(É claro que o facto de o autor textual, António Mota, nos voltar a visitar no próximo mês de março também motivou a escolha;))

Na página web da editora leya é possível ler alguns excertos da obra: AQUI.

sexta-feira, 15 de novembro de 2019

A Biblioteca da Escola é para todos (sugestão novembro)

A professora Ana Margarida Luciano recomenda...



Quando à noite desfolho e trinco as rosas
É como se prendesse entre os meus dentes
Todo o luar das noites transparentes,
Todo o fulgor das tardes luminosas,
O vento bailador das Primaveras,
A doçura amarga dos poentes,
E a exaltação de todas as esperas.

                          Sophia de Mello Breyner Andresen





No mês em que se celebra o centésimo aniversário de um dos maiores nomes da poesia de língua portuguesa, não poderíamos deixar de sugerir a leitura da obra poética de Sophia de Mello Breyner Andresen.
Para quem quiser encontrar uma linguagem limpa e clara, com que são construídos poemas luminosos em que a realidade mais simples se transforma em magia.

O livro está na nossa Biblioteca.

quinta-feira, 14 de novembro de 2019

Pequenos autores de António Feijó integram Histórias da Ajudaris'19

As nossas escolas voltaram a associar-se a esta iniciativa solidária, e os nossos pequenos autores veem agora os seus textos publicados no volume II das Histórias da Ajudaris 19. 


capa do volume II das Histórias da Ajudaris'19

Na base da elaboração destes textos estiveram as questões da sustentabilidade, que despoletaram interessantes análises aos 17 objetivos para o desenvolvimento sustentável constantes da agenda 2030.


O envolvimento dos nossos alunos e docentes resultou em cinco textos inéditos, que se materializam em diferentes discursos: narrativas, textos poéticos e até um alfabeto literário.

Os livros já se encontram à venda nas escolas do agrupamento, pelo preço de 5,00 euros, um valor simbólico que reverte inteiramente a favor de crianças e famílias desfavorecidas.



No dia 22 de novembro terá lugar a festa de lançamento destas histórias, no auditório Rio Lima.

Fica atento, pois brevemente daremos conta do programa da festa.

quinta-feira, 31 de outubro de 2019

"Casas de Provérbios" abrem as ofertas da Biblioteca à la Carte

A encerrar as comemorações do Mês Internacional da Biblioteca Escolar, abrimos o menu Biblioteca à la Carte para 2019/ 2020.
Decorrente do tema aglutinador de projetos, Casas do Mundo, a atividade escolhida para encetar as ofertas deste programa, que já deu provas de sucesso no ano letivo anterior, foi Casas de Provérbios: uma oficina de escrita que tem por base um conjunto de provérbios sobre "A CASA".
Porque é mês de comemorações, juntamos as CASAS dos contos tradicionais ("escondidas" na galeria de contos que forra uma das paredes da BE da escola sede).

Momento da apresentação da Oficina (turma de 8º ano)

Em trabalho de pares, formados a partir da junção dos provérbios, os alunos foram desafiados a criar uma breve narrativa da qual deveria constar o sentido do provérbio, uma casa da galeria de contos e uma alusão à biblioteca.


Provérbios "em metades"
Passados os primeiros momentos do drama da "folha em verde" :) e o desconhecimento do significado de alguns dos provérbios, uma dezena de narrativas começou a tomar forma...

Biblioteca um lugar ao sol
A Biblioteca dos Ursos
Uma história à luz das velas
Uma horta de Contos

...foram algumas das histórias nascidas nas casas de provérbios e habitadas pelas casas dos contos.


Passado o drama da "folha em verde"... uma dezena de histórias toma forma...

Nesta atividade privilegiamos o conteúdo, a originalidade, o inusitado, e não nos preocupamos tanto com a forma (ortografia e sintaxe...) o que ajuda a estimular o pensamento criativo e o espírito crítico dos alunos, fazendo sobressair o potencial criativo de cada um. O entusiasmo e o envolvimento são visíveis!

Momento da criação 
A atividade proporcionou a (re)visitação do imaginário dos contos tradicionais, e o contacto com estas pérolas de sabedoria popular que vão perdendo lugar nas casas de hoje...

Encerramos, deste modo, com chave de ouro, as comemorações do mês internacional das Bibliotecas Escolares, e encetamos um menu para degustar ao longo de todo o ano, sempre que cada docente entenda que a oferta pode constituir uma mais-valia para os seus alunos, e enriquecer o processo de construção de conhecimento.

Em novembro o menu Biblioteca à la Carte integra:
- Casas de Provérbios
- Banhos de Livros
- Oficinas de Direitos Humanos
- Campeões de Xadrez

Até já!

segunda-feira, 28 de outubro de 2019

Concurso Nacional de Leitura 2º e 3º CEB

As nossas escolas voltam a associar-se a esta iniciativa do Plano Nacional de Leitura.
Na EB António Feijó encontram-se a decorrer as inscrições para a fase escola do CNL, que terá lugar nos dias 11 (2º CEB) e 27 de novembro (3º CEB).



A escolha das obras versou sobre autores de língua portuguesa: O Cavaleiro da Dinamarca, de Sophia, foi a obra escolhida para o 2º ciclo e Mar me quer, de Mia Couto, a obra escolhida para o 3º ciclo. Ambas com fortes ecos no tema aglutinador de projetos do presente ano: Casas do Mundo.

As obras encontram-se na tua biblioteca e esperam por ti!

Para saberes mais sobre o CNL fala com o teu professor de português ou com os professores bibliotecários.

quinta-feira, 24 de outubro de 2019

Delegação colombiana de visita às nossas Bibliotecas

No âmbito do projeto internacional Leitura e Biblioteca Escolar, a biblioteca da EB de Ponte de Lima recebeu, no dia 21 de outubro, a visita de uma delegação colombiana, com o objetivo de conhecer as nossas práticas de dinamização de leitura orientada junto dos alunos do 1º CEB.

Momento da reunião de trabalho em torno do método de leitura orientada utilizado:
O Programa de Leitura fundamentado na Literatura
Esta visita coincidiu com o auge da preparação da vinda da escritora Isabel Zambujal às bibliotecas escolares do 1º CEB (que acontecerá nos dias 28, 29 e 30 de outubro), cuja obra nos encontramos a trabalhar.

A equipa teve, assim, oportunidade de assistir e participar na atividade de pré-leitura da obra Histórias Escritas na Cara. Cada Avó é um Livro de Contos, com uma turma de 4º ano.

Momento da atividade de pré-leitura:
 ativação de saberes enciclopédicos e partilha de experiências.

Depois de recolhidos e distribuídos os "ingredientes", cada grupo confecionou uma pequena história que foi, depois, devidamente acondicionada num frasco. Partilhadas as 7 histórias, a turma estava pronta para conhecer a obra de Isabel Zambujal que encerra, também, 7 histórias (escritas na cara da avó de Clara).




Tratou-se de um dia intenso, mas muito rico, pautado pela partilha de experiências entre a Rede Nacional de Bibliotecas Escolares e as Bibliotecas, Escolas, e outros parceiros da Colômbia, que nos trouxeram práticas verdadeiramente inspiradoras. Obrigada!









domingo, 20 de outubro de 2019

A Biblioteca da Escola é para TODOS!

Este mês inauguramos uma nova rubrica neste espaço.
A professora Ana Margarida apresentará, mensalmente, uma sugestão de leitura, acompanhada de uma crítica.
Este mês, a escolha não poderia ser melhor: em mês de bibliotecas, somos convidados a (re)visitar uma das bibliotecas mais emblemáticas do século XX: 
o universo de Enid Blyton visto por Alice Vieira. 


"«Quem é a autora que, entre mais de 700 livros, escreveu Os Cinco, As Gémeas e as aventuras do Noddy
Quem de nós nunca esteve numa gruta misteriosa com os Cinco ou partilhou guloseimas com as gémeas e as outras alunas numa das ceias secretas no Colégio de Santa Clara?
Escrito por uma das mais brilhantes escritoras da LIJ portuguesa sobre uma das mais famosas escritoras da LIJ do mundo, O Mundo de Enid Blyton interessa, por certo, a várias gerações de leitores.
O livro de Alice Vieira, que se lê num ápice (tal como na infância líamos as aventuras da imaginação de E. Blyton), divide-se em duas partes intercaladas: a biografia da autora e pequenos depoimentos de diferentes leitores.
Se a primeira parte foi uma surpresa (a famosa escritora foi tudo menos a pessoa amável que os seus livros nos poderão fazer imaginar), a segunda foi uma agradável confirmação: a comida é um dos protagonistas da obra, citada quase na totalidade dos testemunhos, a par do sonho da liberdade proporcionada por um mundo quase sem adultos.
Adorada numas épocas, quase banida pela pretensa intelectualidade de outras, reabilitada logo de seguida, por ser das poucas autoras cujos livros os jovens de qualquer época devoram até à última página, Enid Blyton é uma personalidade controversa que gostarás de conhecer melhor.
O livro está na nossa Biblioteca."
Ana Margarida Luciano

Curiosidade: sabias que Enid Blyton já "passou" pelo Clube de Leitura António Feijó? Espreita AQUI!

terça-feira, 1 de outubro de 2019

Biblioteca, a casa da Imaginação

As bibliotecas escolares António Feijó estão preparadíssimas para acolher mais um ano recheado de atividades que prometem encher os nossos espaços de cor, de alegria, de sonho e de saber.
Sob o mote Casas do Mundo, tema aglutinador de projetos no agrupamento, e do lema "vamos imaginar" (mês internacional das Bibliotecas Escolares), as bibliotecas de António Feijó já estão a "fervilhar"!


Biblioteca António Feijó

Na escola sede, os novos alunos (5º ano) já passaram pela sua nova casa e já receberam formação de utilizadores. À boleia do Coelho e do Chapeleiro Louco, todos fizeram a sua entrada neste novo reino.

Alice no País das Maravilhas de Lewis Carroll

Nas bibliotecas do 1ºciclo, começamos as provisões para o inverno com um abastecimento de histórias em frascos. A culpa é do outono, e também da Isabel Zambujal, que faz nascer estas ideias a partir das suas histórias...

Frascos de Histórias: atividade de leitura orientada para Histórias escritas na Cara,
 de Isabel Zambujal (atividade "Antes da Leitura)

E assim as nossas bibliotecas se vão transformando em Casas da Imaginação.
Até já!


terça-feira, 23 de julho de 2019

Tempo de Balanço (4): Almofadas de Histórias

Encerramos o ano com o balanço daquele que terá sido o projeto mais ternurento do agrupamento de escolas António Feijó, no ano que agora termina: 
Almofadas de Histórias.

Três almofadas que representam três leituras diferentes da obra
 Como é que uma galinha, de Isabel Minhós Martins e Yara Kono.
Este projeto de leitura em articulação com a família, que se renova todos os anos, de acordo com o tema aglutinador de projetos, é talvez a grande imagem de marca das nossas bibliotecas escolares pela homogeneidade que confere ao trabalho desenvolvido nos 7 estabelecimentos de ensino.

Pormenor da exposição realizad na Semana da Leitura na EB da Ribeira.

Invade-nos sempre um sentimento de ternura e de pertença ao entrar em qualquer uma das nossas escolas / BEs, quando, a partir de finais de outubro começam a chegar os primeiros trabalhos resultantes das leituras realizadas em família. É sempre surpreendente a diversidade de leituras possíveis de uma mesma obra, representadas nos trabalhos (este ano em almofadas).

Pormenor da exposição na BE de Rebordões Souto

A escolha do tema deste projeto prende-se com o tema aglutinador de projetos, que, por sua vez, decorre do projeto educativo. Em 2018/2019 trabalhamos o tema Mente Sã em Corpo São: Construindo um Mundo Saudável. Para opercaionalização desta temática junto das famílias da EPE e do 1º CEB escolhemos o Sono e a Hora de Dormir.

Pormenor da exposição realizada na Semana da Leitura na BE da Feitosa.
Selecionamos, dentro do tema, um conjunto de títulos, que circularam pelas casas dos nossos alunos, que foram lidos em família, e que, na sua maioria, deram origem a almofadas muito originais, que revelam, em certa medida, o modo como a obra foi rececionada, as reflexões que proporcionou, enfim...o "efeito" que produziu.

Pormenor da exposição na EB de P. Lima.

O livro permanece uma semana em casa de cada família, e, quando regressa, acompanhado da sua "leitura" (este ano em forma de almofada), é partilhado com a turma, assim como a experiência de leitura em família. Tendo em conta que o mesmo livro circula por alunos das diferentes turmas, este projeto torna-se particularmente revelador da pluralidade da leitura literária no que respeita às respostas pessoais do leitor.
Veja-se, a título de exemplo, estes trabalhos:

Almofadas construídas a partir da leitura da obra Sílvio Domador de Caracóis
de Francisco Duarte Mangas e Madalena Moniz (1).

Almofadas construídas a partir da leitura da obra Sílvio Domador de Caracóis 
de Francisco Duarte Mangas e Madalena Moniz (2).

Ou então, a decisão desta família que muda o destino da personagem de Gato Procura-se, criando um novo desfecho para a narrativa:

Trabalho realizado por família do JI de P. Lima:
final alternativo para a obra de Ana Saldanha e Yara Kono.
As Almofadas de Histórias, que no final do ano foram devolvidas aos seus "donos", ficarão no quarto de cada pequeno leitor a lembrar esta experiência de afeto que teve por base o livro e a leitura partilhada com a família.

Pormenor da exposição na EB de Gandra.

E é com desejos de umas férias cheias de alegria, ternura, histórias, sestas e sorrisos, que encerramos o ano, por aqui.

Almofada construída a partir da obra A Tartaruga que queria dormir
de Roberto Aliaga e Alessandra Cimatoribus, por família da EB de Trovela.

Boas Leituras e até setembro!

Obrigado a Todos!! (Isabel Minhós Martins e Bernardo Carvalho)